Banner rotativo

Ágatha/Duda e Álvaro/Saymon foram campeões de suas respectivas categorias.

O Brasil fechou o 2º Campeonato Mundial Militar com domínio total, ficando com as três medalhas do torneio masculino, além de ouro e prata do torneio feminino. As finais foram realizadas na manhã deste domingo, 12.11, no Parque Olímpico da Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ). Ouro para Ágatha/Duda (PR/SE) e Álvaro Filho/Saymon (PB/MS).



A primeira final foi a do torneio masculino, onde Álvaro Filho e Saymon venceram Guto e Vitor Felipe (RJ/PB) por 2 sets a 1 (21/13, 19/21, 10/15), garantindo o título. Na disputa da medalha de bronze, Evandro e André Stein, campeões Mundiais e do Circuito Mundial 2017, superaram os alemães Dollinger e Walkenhorst, que também correm o tour internacional. Vitória por 2 sets a 0 (21/13, 21/14) para o time brasileiro, completando o pódio.

Na disputa do naipe feminino, Ágatha e Duda venceram Larissa e Ana Patrícia (PA/MG) por 2 sets a 0 (21/15, 21/15) e ficaram com o título. As duplas chinesas Shao/Liu e Bai/Zhao disputariam o bronze feminino, contudo por questões de saúde o jogo não ocorreu, e a dupla Shao/Liu ficou com a vitória. Agora a próxima para dos times brasileiros é a etapa de Itapema (SC) do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia, de 15 a 19 de novembro.

Além dos títulos de cada naipe, foram escolhidos os jogadores mais valiosos do campeonato (Most Valuable Player). No masculino o troféu foi para Álvaro e no feminino para Duda. O Brasil já era o atual campeão no naipe masculino, tendo vencido a edição de 2014 com Evandro e Vitor Felipe.

Brasileiros sobem no pódio no Circuito Mundial Militar/ Foto: Divulgação CBV

Fonte: CBV